O que é a Filosofia?

Uma das mais belas respostas que conheço à questão do título são as duas páginas que, sob este título, formam a introdução ao genial livrinho de Mário Ferreira dos Santos, Convite à Filosofia e à História da Filosofia. Vale a pena compartilhá-la:

O QUE É A FILOSOFIA?

Em suas longas e demoradas especulações através dos séculos, tem o homem constantemente perguntado. E as respostas às magnas e mais importantes perguntas levaram-no a formular outras que se algumas vezes satisfizeram a alguns, não satisfizeram a todos e, por sua vez, provocaram novas perguntas.

Perguntou o homem, sobre si mesmo: Quem sou? De onde vim? A ANTROPOLOGIA procura responder-lhe essa pergunta. E a COSMOLOGIA, que estuda a ordem do cosmos, procura responder-lhe sobre a origem deste, de onde veio, qual o primeiro princípio. E vem a TEOLOGIA, ciência das coisas divinas, para discutir as razões e motivos a favor ou a desfavor da crença de Deus, o ser criador.

E se Deus existe, porque o bem e o Mal? Porque não é diferente o mundo? E dessas perguntas, outra disciplina, a TEODICÉIA (de Theos, Deus, e dikê, justiça, em grego), é a quem cabe responder se há ou não justiça no mundo.

E como sabemos? E vem a GNOSEOLOGIA para explicar-nos o conhecimento.

Como se dá o saber culto? E eis a EPISTEMOLOGIA, que estuda o saber das diversas ciências.

E como formou o homem a sua inteligência? E eis a PSICOGÊNESE, que lhe ensinará e discutirá os problemas referentes à formação do psiquismo humano. E o espírito humano, que é criador, como surgiu? E sobre esse espírito criador surge outra disciplina, a NOOGÊNESE, que estuda a gênese do nous, o espírito, e, finalmente, a NOOLOGIA, a ciência do espírito.

E como funciona esse psiquismo? E eis a PSICOLOGIA, que se encarrega de propor respostas às perguntas formuladas aqui.

Mas, significam as coisas algo, dizem mais do que o fenomênico? E eis a SIMBÓLICA, que examina as significações das coisas.

E há algo mais oculto, que possamos penetrar mais profundamente? E eis a MÍSTICA, que quer responder a essas perguntas.

E as coisas são belas, apresentam em si mesmas algo que lhes dê outro valor. E então é a ESTÉTICA que estudará esse ponto.

E o transcendente? Poderemos alcançar o que está além de nós, além da nossa experiência? E eis a METAFÍSICA GERAL, a ONTOLOGIA, para responder-lhe a tais perguntas.

E como se dão os factos do universo? E temos a CIÊNCIA, que procura explicar o nexo do acontecer dentro de si mesmo, em sua imanência, no que mana em, dentro de si, nas coisas experimentáveis.

E como medir os factos e contá-los? E surge a MATEMÁTICA.

E como compreender o homem em suas relações com os outros? E a ÉTICA, a MORAL, o DIREITO, a HISTÓRIA e a SOCIOLOGIA propõem-lhes respostas.

E como compreender o nexo dos pensamentos e usá-los da melhor maneira para atingir uma iluminação, que nos mostre mais nitidamente os factos? E eis a LÓGICA e a DIALÉCTICA.

E como explicar tudo isso, dar o nexo a tudo, juntar todo conhecimento humano, e analisá-lo num grande corpo, num grande saber, que seja o saber de tudo, que seja o saber dos saberes, e

eis a FILOSOFIA.

É para ela, leitor, que este livro é um convite.

SANTOS, Mário Ferreira dos, Convite à
Filosofia e à História da Filosofia
, 3ª edição,
São Paulo: Logos, 1964, pp. 11-12.
Destaques no original.

  • http://www.fernandoimperator.com/ Luis Fernando Imperator

    ótimo comentário no zen habits. abraço

  • http://www.alexandergieg.org/ Alexander Gieg

    Olá! Obrigado pelo elogio. Não foi nada demais, mas é bom saber que alguém gostou. :)

    Para os dois ou três que me lêem não ficarem boiando, o Luís se refere ao comentário que fiz ao post Raise Your Hopeful Voice: Why We Are Responsible For Third World Poverty, and How to Change It, publicado no blog Zen Habits em 15 de outubro de 2008. É um blog em geral excelente, mas o autor se deixou afetar pela retórica anti-americana e agora se sente culpado pela pobreza do mundo. Respondi rejeitando a tese.

  • Manuel Pensador

    ola eu so o figueira ANGOLANO so pra diser que adorei muinto mesmo continui asssim a trasmitir os seus conhecimento,boms exito de pesquisa,nao leve os seus conhecimentos sozinho porque nao sabes onde vas,so pra dezer gostei bwe.